O que é marisco? Tudo sobre diretrizes

O que é marisco? Tudo sobre diretrizes Informação nutricional

O marisco é consumido em todo o mundo há séculos.
Eles são ricos em proteínas magras, gorduras saudáveis ​​e minerais. Comer regularmente frutos do mar pode aumentar sua imunidade, ajudar na perda de peso e promover a saúde do cérebro e do coração.
No entanto, os crustáceos são um dos alérgenos alimentares mais comuns e alguns tipos podem conter contaminantes e metais pesados.
Este artigo analisa diferentes tipos de moluscos, sua nutrição, benefícios para a saúde e possíveis perigos.

Tipos de marisco

Tipos de marisco
Como o nome sugere, os moluscos são animais que vivem na água e têm uma concha ou exterior semelhante a uma concha.
Eles podem ser divididos em dois grupos: crustáceos e moluscos. Os crustáceos incluem camarão, lagostim, caranguejo e lagosta, enquanto amêijoas, vieiras, ostras e mexilhões são exemplos de moluscos.
A maioria dos moluscos vive em água salgada, mas o nome também se refere a espécies encontradas em água doce.
O marisco está disponível em supermercados e restaurantes em todo o mundo, mas algumas regiões são conhecidas por certas espécies. Por exemplo, a lagosta é um alimento popular no Nordeste dos Estados Unidos, enquanto o camarão é um alimento básico nos pratos do Sul do país.
A maioria dos moluscos são consumidos no vapor, assados ​​ou fritos. Alguns – como ostras e amêijoas – podem ser comidos crus ou parcialmente cozidos. Seu sabor varia de doce a salgado, de sutil a delicado – dependendo do tipo e método de cozimento.
Resumindo,
O termo “marisco” inclui camarão, lagosta, caranguejo, lagosta, amêijoas, vieiras, ostras e mexilhões. Os mariscos podem ser preparados de diferentes formas e são consumidos em todo o mundo.

* você pode encontrar muitas informações sobre nutrição nesta página *

(Informação nutricional)

Crypto CoinReferral CodeCode Apply

Binance

  • ✅ 20% OFF
  • ✅ Transaction Fee

516608717

Code Page

BitGet

  • ✅ 20% OFF
  • ✅ Transaction Fee

l0me

Code Page

Bing X

  • ✅ 15% OFF
  • ✅ Transaction Fee

VI4ZBW

Code Page

MEXC

  • ✅ 50% OFF
  • ✅ Transaction Fee

1YvzC

Code Page

Bybit

  • ✅ 20% OFF
  • ✅ Transaction Fee

0EWJML

Code Page

Potências nutricionais

Potências nutricionais
Os moluscos têm poucas calorias e são fontes ricas em proteínas magras, gorduras saudáveis ​​e muitos micronutrientes.
Aqui está uma comparação nutricional de 3 onças.
Além do mais, os crustáceos são ricos em ferro, zinco, magnésio e vitamina B12 – todos os quais têm papéis importantes em seu corpo. Por exemplo, 3 onças.
Lembre-se de que os moluscos são mais nutritivos quando cozidos no vapor ou assados. Mariscos à milanesa ou fritos podem conter calorias adicionais, carboidratos refinados, sal adicionado e outros ingredientes não saudáveis.
Resumindo,
Os mariscos são pobres em calorias e ricos em proteínas e ácidos graxos ômega-3. Eles também contêm grandes quantidades de certos micronutrientes, incluindo ferro, zinco, magnésio e vitamina B12.

Benefícios potenciais para a saúde

Benefícios potenciais para a saúde
Devido ao seu impressionante conteúdo de nutrientes, os crustáceos podem ser bons para a cintura, o cérebro, o coração e o sistema imunológico.
Pode ajudar na perda de peso
Os mariscos são pobres em calorias e ricos em proteínas magras e gorduras saudáveis ​​- o que os torna excelentes alimentos para comer enquanto se tenta perder peso.
Alimentos ricos em proteínas mantêm você se sentindo saciado e satisfeito, o que pode impedi-lo de ingerir calorias em excesso, ajudando você a perder ou manter o peso.
Além disso, devido ao seu teor de ácidos graxos ômega-3, os peixes podem levar a uma maior sensação de saciedade e ajudar na perda de peso mais do que outros alimentos ricos em proteínas.
Um estudo em adultos com sobrepeso descobriu que aqueles que comeram mais ácidos graxos ômega-3 em uma dieta com restrição calórica se sentiram significativamente mais saciados após as refeições do que aqueles que comeram menos ômega-3 na mesma dieta.
Pode promover a saúde do coração
Os mariscos são carregados de nutrientes que podem promover a saúde do coração, incluindo ácidos graxos ômega-3 e vitamina B12.
Vários estudos relacionaram a ingestão de ácidos graxos ômega-3 de peixes e crustáceos a um menor risco de doenças cardíacas. Isso provavelmente ocorre porque o ômega-3 tem efeitos antiinflamatórios.
Um estudo com 18.244 homens saudáveis ​​na China descobriu que aqueles que comeram mais de 7 onças.
Além disso, a ingestão inadequada de vitamina B12 tem sido associada a altos níveis de homocisteína no sangue, uma proteína que pode aumentar o risco de doenças cardíacas. Portanto, comer alimentos ricos em vitamina B12 pode proteger contra doenças cardíacas.
Bom para o seu cérebro
Os mesmos nutrientes dos crustáceos que são bons para o coração também são vitais para a saúde do cérebro.
Na verdade, vários estudos identificaram níveis inadequados de vitamina B12 e ômega-3 no sangue como fatores de risco para problemas no desenvolvimento do cérebro em crianças e na função cerebral saudável em adultos.
Alguns estudos também sugerem que a vitamina B12 e os ácidos graxos ômega-3 podem aumentar as atividades uns dos outros para promover a saúde do cérebro.
Um estudo em 168 adultos mais velhos com deficiência mental leve descobriu que as vitaminas B retardaram a progressão dos problemas cerebrais naqueles que tinham níveis mais elevados de ácidos graxos ômega-3 no sangue em comparação com aqueles com níveis mais baixos.
Rico em nutrientes que aumentam a imunidade
Alguns tipos de moluscos são carregados com zinco que aumenta o sistema imunológico.
Este mineral é necessário para o desenvolvimento de células que constituem a defesa imunológica do seu corpo. Ele também atua como um antioxidante, protegendo contra os danos da inflamação.
Um estudo em 62 adultos saudáveis ​​com mais de 90 anos descobriu que a deficiência de zinco estava associada à diminuição da atividade de certas células do sistema imunológico.
Comer regularmente marisco – especialmente ostras, amêijoas, mexilhões, lagosta e caranguejo – pode melhorar o seu estado de zinco e a função imunológica geral.
Resumindo,
Os mariscos são carregados de proteínas e gorduras saudáveis ​​que podem ajudar na perda de peso. Eles também são ricos em nutrientes – ácidos graxos ômega-3, vitamina B12 e zinco – que promovem um cérebro, coração e sistema imunológico saudáveis.

Possíveis desvantagens

Possíveis desvantagens
Embora os moluscos sejam altamente nutritivos, pode haver algumas desvantagens em comê-los.
Acumulação de Heavy Metal
Os mariscos podem acumular metais pesados ​​de seus ambientes, como mercúrio ou cádmio.
Os humanos não podem excretar metais pesados. Com o tempo, o acúmulo desses compostos em seu corpo pode causar danos a órgãos e outros problemas de saúde.
Um estudo descobriu que os moluscos em algumas áreas podem conter níveis de cádmio que são o dobro do limite diário recomendado para ingestão humana. Os moluscos também podem conter mercúrio, mas geralmente têm menos do que peixes maiores.
O FDA recomenda que os adultos comam 3-5 onças.
Doenças transmitidas por alimentos
Comer frutos do mar contaminados pode causar doenças de origem alimentar.
Na verdade, moluscos – como amêijoas, vieiras, ostras e mexilhões – foram responsáveis ​​por mais de 45% dos casos de doenças de origem alimentar relacionados a frutos do mar nos EUA de 1973 a 2006.
A intoxicação alimentar por crustáceos pode resultar de bactérias, vírus ou parasitas adquiridos em seus ambientes.
Os patógenos florescem em moluscos crus e moluscos que são resfriados incorretamente. Portanto, armazenar e cozinhar adequadamente os moluscos pode ser uma forma eficaz de prevenir doenças transmitidas por alimentos.
Mulheres grávidas e amamentando, adultos mais velhos e pessoas com sistema imunológico comprometido devem evitar mariscos crus ou preparados inadequadamente.
Reações alérgicas
Os mariscos são um dos oito principais alérgenos alimentares nos EUA.
Uma alergia a moluscos geralmente se desenvolve na idade adulta, mas também pode ocorrer na infância.
Os sintomas de uma reação alérgica a crustáceos incluem.
Resumindo,
Os mariscos podem conter níveis variados de metais pesados ​​que podem se acumular em seu corpo e causar problemas de saúde. Além disso, o marisco pode causar doenças de origem alimentar e reações alérgicas.

Resumindo

o resultado final
Os mariscos – que podem ser divididos em crustáceos e moluscos – são carregados de proteínas magras, gorduras saudáveis ​​e micronutrientes.
Eles podem ajudar na perda de peso, aumentar a imunidade e promover a saúde do cérebro e do coração. Ainda assim, os moluscos podem conter metais pesados ​​e causar doenças de origem alimentar e reações alérgicas.
No entanto, o marisco pode ser uma adição nutritiva e deliciosa a uma dieta equilibrada para as pessoas mais saudáveis.